Joguinho Viciante: PIPEROLL

O game dessa semana é o que mais me prendeu MESMO, e foi dica de um amigo meu (Stefano, valeu por acabar com as minhas horas livres).

Hoje vou falar do Piperoll.

Piperoll tem 130 fases, e em um dia só eu tive a capacidade de passar 61 níveis (pois é).

Vamos ao que é o jogo:

A lógica é muito simples, assim como a primeira fase. Você só precisa girar a peça dos canos para que ela se encaixe às outras para que a água possa chegar nas casas.

Primeira fase tudo sempre muito fácil e intuitivo né? É só mudar a posição das peças que a água vai passando pelo encanamento. E não se preocupe com o tempo, ele só serve para classificar sua agilidade.

A água só vai avançando conforme você encaixa o próximo cano a ser percorrido, então não precisa se preocupar em ser mais rápido do que ela. Ao final, a água finalmente chega ao destino:

Reparem que quando o encanamento funciona sem nenhum vazamento e tubulação fica luminosa. Como no caso abaixo só existia uma, já passamos para o próximo nível.

Com o passar das fases o tamanho do encanamento vai aumentando, e também as dificuldades.

Como deu pra perceber, esse jogo não tem muito segredo e “dificuldade”, por isso é tão viciante.

O bacana é que esse jogo é free para iPhone, mas é pago para Android, achei por R$2,46 aqui.

Viciente 🙂

Anúncios

Joguinho Viciante: Gold Miner

Mais um joguinho viciante, e esse é ótimo para passar o tempo.

O nome? Gold Miner.

Na verdade esse jogo tem em duas versões, a free e a ultimate, e nesse post vou falar sobre a ultimate que é bem parecida com a free, mudando apenas os gráficos e alguns recursos.

Esse game ainda não está completamente criado, apenas está disponível a versão “Classic” do menu.

No inicio de toda fase é dado um valor em dinheiro a ser alcançado, e ele cai aumentando em cada fase.

O objetivo é pegar as pepitas de ouro que estão espalhadas pela tela, quanto maior ela for, mais valiosa será. Claro que contamos com um cronômetro e alguns obstáculos.

As pedras menores valem $50, as médias $100 e as grandes $600.

Tem também os “saquinhos surpresa”, que podem conter dinheiro ou objetos ou algo para te ajudar, como super força, por exemplo. Pois conforme o objeto, o bonequinho tem maior dificuldade de puxá-lo, e acaba demorando mais. No caso da figura abaixo, o “saquinho” me deu uma dinamite, ela serve para quando eu tiver pego uma pedra, por exemplo, então eu posso me livrar dela explodindo, o que faz o tempo render mais.

Conseguiu alcançar o valor proposto? Ótimo, próxima fase.

Entre todas as fases, tem um tipo de ‘shopping’ que você pode comprar para usar na próxima fase. Cuidado com isso, pois para comprar é necessário utilizar o dinheiro que você arrecadou, e ele é acumulativo, o que significa que você precisará dele para atingir a meta da próxima fase.

E é claro que a meta aumenta de fase pra fase.

E novos tesouros vão surgindo com novos valores, assim como novos obstáculos.

Esse joguinho é bem bacana em sua simplicidade. É perfeito para aqueles momentos que você não está fazendo nada e não quer jogar Chuzzle, Gold Miner é uma ótima pedida.

Como eu já falei lá em cima, esse jogo é encontrado na versão free e ultimate, tanto para iPhone quanto para Android, e é possível baixar o ultimate pelo jailbreak.

Curtiu? Veja aqui mais Joguinhos Viciantes! 🙂

Joguinho Viciante da Semana: Draw Something

Acho que esse é o maior game vício depois de Angry Birds, já conhece?

Draw Something é um game para ser jogado com contatos do seu próprio círculo de amigos, pois ele é sincronizado com o Facebook, fornecendo uma lista de pessoas que tem esse aplicativo instalado.

Qual é a do game? A idéia é bem fácil, é tipo um jogo da forca, mas com um desenho de dica. O seu parceiro escolhe uma das três palavras que o próprio aplicativo fornece, uma fácil, outra média, e outra difícil.

Ele precisa desenhar algo que faça você chegar à aquela palavra (as palavras são em inglês), às vezes é até o nome de um cantor, ator… e você precisa adivinhar.

Adivinhou? Ótimo, de 1 à 3 moedas para você e seu amigo.

Não adivinhou? Ninguém ganha nada, a rodada começa novamente. Errando ou acertando, agora é a sua vez de desenhar para seu parceiro acertar.

O game começa com apenas algumas cores, e as moedas ganhadas ao longo das jogadas, servem para comprar novas cores ou então “bombas”, que ao explodirem, diminuem a quantidade de letras erradas no painel.

Esse jogo é bem bacana e viciante. E o melhor, é que além de ser disponível para iPhone e Android, é totalmente free.

Joguinho Viciante da Semana: 100 Floors

O ENDEREÇO DO BLOG MUDOU, NÃO ESTOU MAIS ADMINISTRANDO ESSE BLOG, E NEM RESPONDENDO AOS COMENTÁRIOS. NO BLOG NOVO TAMBÉM TEM O POST SOBRE ESSE GAME, E QUEM QUISER DICAS SOBRE AS FASES RESPONDEREI NESTE ENDEREÇO:

http://pausaparanerdice.blogspot.com.br/2013/01/joguinho-viciante-da-vez-100-floors.html

FICAREI FELIZ COM A VISITA DE VOCÊS POR LÁ!

Quando eu descobri o jogo Dooors (que falei nesse post aqui) mostrei pra tanta gente que acabou meio que se tornando um viral entre meus amigos que tem iPhone. Por ser um jogo muito curto, até os que não tinham iPhone, acabavam jogando no celular de alguma outra pessoa, e ao fecharem o game, todo mundo ficava com aquele gostinho de quero mais, afinal, são só 35 fases, e exceto algumas, a maioria são bem fáceis de passar, então todo mundo acabou fechando o jogo rapidinho.

Semana passada eu boiando na App Store, encontrei o 100 Floors entre os apps frees, e acabei baixando pra ver qualé que era do joguinho, já que aquelas capturas de tela não estavam mostrando grandes coisas.

Acreditem se quiserem, o game é uma cópia ampliada do Dooors, já que o Floors tem atualmente 30 cenas, e consta um aviso na última tela com o aviso ‘more soon’ (mais em breve). As primeiras telas são, em sua maioria, são abertas de formas iguais. Lógico que com outra sequência e com alguns detalhes diferentes.

Bom, mas pra quem nunca ouviu falar do Dooors, vamos começar do começo pra ficar mais fácil né?

Tanto o game Dooors, quanto o 100 Floor são jogos de Escape (estratégia).

O objetivo e único cenário é uma porta trancada, que precisa ser aberta para passar ao próximo nível. Em alguns andares, também pode ser necessário a ajuda de algum objeto que pode ser encontrado na mesma tela, ou em telas anteriores.

Feito isso, a porta é aberta e podemos subir ao próximo andar.

Algumas telas são previsíveis, e outras nem tanto, sendo necessário futricar em tudo para descobrir como abrir a porta.

Em algumas é preciso pensar um pouco mais.

Por enquanto, o jogo conta com 30 “andares”, mas a mensagem no final, e o próprio nome do game, sugerem que mais fases estão por vir.

O único ponto negativo, é que o touch do game é horrível, mas vale a pena, pois ele é free, e é encontrado apenas para iOS na App Store americana.

UPDATE 18/05/2012

Essa semana (acredito que ontem) saíram mais 10 fases para o game, totalizando então 40 níveis para o game. E o bacana, é que as fases trazem novas formas de solução. Tô curtindo 😀

UPDATE 27/05/2012

Aparentemente ontem liberaram mais algumas fases para o jogo, indo até a fase 55 e eu achei que as formas de soluções estão fáceis.

E pra vocês que amaram esse jogo, vale a pena olhar dar uma olhadinha na categoria JOGUINHO VICIANTE DA SEMANA, que toda semana é atualizada com um novo game vício do momento.

O ENDEREÇO DO BLOG MUDOU, NÃO ESTOU MAIS ADMINISTRANDO ESSE BLOG, E NEM RESPONDENDO AOS COMENTÁRIOS. NO BLOG NOVO TAMBÉM TEM O POST SOBRE ESSE GAME, E QUEM QUISER DICAS SOBRE AS FASES RESPONDEREI NESTE ENDEREÇO:

http://pausaparanerdice.blogspot.com.br/2013/01/joguinho-viciante-da-vez-100-floors.html

FICAREI FELIZ COM A VISITA DE VOCÊS POR LÁ!